Notícias

Bandidos explodem caixas eletrônicos do Banco do Brasil do município de Miguel Alves


Divulgação

Um dos graves problemas de segurança pública no Estado do Piauí, o arrombamento de agências bancárias e explosão de caixas eletrônicos são cada vez mais frequentes. Quadrilhas especializadas nesse tipo de crime assustam a população de municípios piauienses, seja na capital ou interior. Dessa vez o alvo foi a agência do Banco do Brasil da cidade de Miguel Alves, região norte, localizada a 110 km de Teresina.

Na madrugada desta quinta-feira (30), um grupo de pelo menos seis bandidos fortemente armados arrombou a agência e explodiu três caixas eletrônicos, roubando uma quantia de dinheiro ainda não revelada. Os criminosos fugiram em direção ao município de Porto, os bandidos incendiaram um carro modelo pálio e espalharam pregos (miguelitos) pela estrada dificultando a ação da polícia militar. Não houve registro de feridos e até o momento os bandidos não foram localizados e policiais de União e Barras foram chamados para reforçar a segurança na região.

O Sindicato dos Bancários do Piauí denuncia, mais uma vez, que reiteradas vezes tem lutado e reivindicado para que os bancos garantam melhores condições de trabalho e segurança para empregados e clientes, cobrando a efetiva implementação da Lei de Segurança Bancária (Lei 6168 de 2012), que estabelece vários dispositivos de segurança, entre os quais, o monitoramento eletrônico 24 horas pela polícia militar, o que diminuiria consideravelmente a quantidade de arrombamentos.